Dragões Diário 08/02/2017

Bom dia,

De casa
André Silva é viciado, assumiu-o ontem. Viciado em vitórias, viciado em golos, mas nunca ao ponto de esquecer a equipa e confundir prioridades. Mais importante do que distinguir-se como o melhor marcador da Liga, matéria que não lhe tira o sono, é sagrar-se campeão, explicou. À margem de uma ação promocional de uma marca norte-americana de equipamentos desportivos, o avançado portista lembrou que ainda há muito campeonato pela frente e disse acreditar que “vai correr tudo bem”. Na edição de outubro de 2016 da “Dragões”, num momento mais delicado, André já tinha desafiado a paciência dos adeptos e a sobranceria da concorrência com a expressão “Esperem para ver!”.

Horas antes, o plantel do FC Porto tinha regressado ao trabalho, fazendo-o em dose dupla. De manhã, Alex Telles, Marcano, Felipe, Danilo Pereira e Óliver Torres fizeram gestão de esforço no ginásio e não pisaram o relvado, mas à tarde já participaram integralmente no treino. A boa notícia do dia foi a recuperação absoluta de Rúben Neves, que reentra nas contas de Nuno Espírito Santo a tempo de preparar a deslocação a Guimarães para defrontar o Vitória (sábado, às 20h30). Se tenciona acompanhar a equipa, saiba aqui como garantir a entrada no D. Afonso Henriques.

Conseguirá a equipa de andebol atingir a marca das 30 vitórias em 30 jogos? Hugo Laurentino crê que sim, mesmo tendo em conta que o novo teste à invencibilidade será feito em Lisboa, frente ao Sporting. O guarda-redes tem noção do grau de dificuldade do desafio e sugere, como estratégia, que a equipa esqueça todos os triunfos que conseguiu até aqui para poder somar mais um. A dúvida desfaz-se esta noite.

Quem também só sabe vencer é a equipa de bilhar, que conquistou a quinta vitória em cinco jornadas do Campeonato Nacional de carambola. Na noite de segunda-feira, em Famalicão, a equipa formada por Manuel Santos Oliveira, João Ferreira, Rui Manuel Costa e Alípio Jorge venceu o Famalicense por 3-1 e ampliou o seu próprio recorde de triunfos conseguidos de forma consecutiva para 31.

Depois dos quartos de final da Taça Hugo dos Santos, FC Porto e Illiabum voltam a encontrar-se nos “oitavos” da Taça de Portugal de basquetebol. O sorteio quis assim e o jogo ficou marcado para 28 deste mês, no Dragão Caixa. O vencedor do reencontro acede à Final 8, a fase decisiva da competição, que será disputada de 23 a 26 de março em Gondomar.

Do Mundo
Arnold Schwarzenegger já quis “partir a cara” a Donald Trump. Não tentou, mas já teve vontade de o fazer. Foi o próprio ator, protagonista da saga “Exterminador Implacável”, quem o admitiu numa entrevista à revista “Men’s Journal”, na sequência de uma troca de mimos entre ambos. A fricção entre o ex-governador da Califórnia e o atual presidente dos Estados Unidos começou quando Trump criticou o desempenho de Schwarzenegger no programa televisivo “The Celebrity Apprentice”, do qual Donald foi o primeiro apresentador. O ator não gostou e respondeu com a publicação de um vídeo no Twitter, no qual sugere muito mais do que uma simples troca de palavras. “Donald, tenho uma grande ideia. Por que não trocamos de empregos?”, sugeriu Schwarzenegger. “Tu voltas para a televisão, já que és um perito em audiências, e eu fico com o teu trabalho, para que as pessoas possam finalmente dormir descansadas outra vez”.

Começaram no metro de Tóquio e já chegaram a Madrid. Os “empurradores”, como o próprio nome indica, empurram. São cinco novos funcionários, qualificados e devidamente fardados, que fazem o especial favor de acomodar os passageiros nas composições que entram e saem da Estação Avenida da América, uma das 301 paragens que compõem a rede do metropolitano da capital espanhola. Mas, ao contrário dos especialistas japoneses na arte, empurram com jeitinho, certificam-se de que todos os utentes entram nas carruagens e até fecham as portas manualmente.

Aconteceu
Há 13 anos, a 8 de fevereiro de 2004, o FC Porto vencia a Taça da Liga em basquetebol. Orientados por Luís Magalhães, os Dragões derrotaram o Queluz (68-59) na final disputada em Angra do Heroísmo, na ilha Terceira (Açores), com o MVP Rui Mota a resolver o jogo nos últimos 30 segundos. Alberto Babo, então treinador do Queluz e um histórico dos azuis e brancos, reconheceu no final: “O FC Porto ganhou bem”. Meses depois, a equipa de Luís Magalhães ganhou também a Taça de Portugal e a Liga.

Para ouvir
O Tudor Cinema, em Bangor, cidade da Irlanda do Norte onde cresceram, emprestou-lhes o nome numa adaptação livre de Sam Halliday, um dos elementos da banda. Do jogo de palavras e do talento emergente do trio nasceram, em 2007, os “Two Door Cinema Club”, que regressam a Portugal em agosto para tocar no festival MEO Sudoeste, na Zambujeira do Mar. Recuperamos aqui o primeiro single do grupo, lançado em abril de 2009, e o clip gravado nas Canárias, já com mais de 11 milhões de visualizações no YouTube.

Até amanhã,

Alberto Barbosa
Fonte: Ojogo