A «ESTRELA DO FC PORTO» DECO

Anderson Luiz de Sousa (Deco), nasceu no dia 27 de Agosto de 1977 em São Bernardo do Campo, município de São Paulo; Brasil.

Começou por se iniciar aos 9 anos de idade no Bonfim. Passou ainda pelo Guarani, Nacional, até que chegou ao S.C. Corinthians onde se estreou na equipa principal contra o Atlético Mineiro. Rumou depois ao Corinthians Alagoano e em 1997 foi vendido ao S.L. Benfica que o emprestou ao Alverca F.C.
No inicio da temporada de 1998/99 mudou-se para o S.C. Salgueiros, mas em Março de 1999 chegou ao Futebol Clube do Porto e fez a estreia com a camisola azul e branca contra o S.C. Braga. Logo nessa época, Deco sagrou-se Campeão Nacional pela primeira vez e teve o seu nome registado na história dos jogadores que ajudaram a vencer o Penta-Campeonato.
Na temporada seguinte venceu a Supertaça e conquistou a Taça de Portugal frente ao Sporting C.P. na finalíssima com uma vitória por 2-0 com Deco a marcar um grande golo de livre.
Na temporada de 2000/01 voltou a repetir o triunfo na Taça de Portugal, desta vez ao derrotar o Marítimo S.C.
Na temporada seguinte venceu apenas a Supertaça.
Em 2002/03, Deco teve uma das suas melhores épocas e voltou a sagrar-se Campeão Nacional, venceu de novo a Taça de Portugal após vitória sobre o União de Leiria na final, e ganhou a Taça UEFA ao derrotar os escoceses do Celtic Glasgow por 3-2.
A temporada seguinte voltou a ser recheada de vitórias que começou com nova vitória na Supertaça e mais um Campeonato Nacional ganho com total superioridade. Mas a maior conquista estava destinada para o ultimo jogo da temporada, a Final da Liga dos Campeões que o F.C. Porto venceu ao derrotar os franceses do A.S. Mónaco por 3-0 com Deco a marcar o segundo golo, o que seria o ultimo com a camisola dos Dragões.
No final dessa temporada, Deco transferiu-se para o F.C. Barcelona e logo na primeira época conquistou a titularidade e venceu o campeonato espanhol feito que repetiu na temporada seguinte, onde conquistou também a Supertaça de Espanha, e voltou a ganhar a Liga dos Campeões.
Em 2006/07, Deco venceu de novo a Supertaça espanhola.
No final da temporada de 2007/08 transferiu-se para Inglaterra onde representou o Chelsea F.C. e onde venceu 1 campeonato nacional, 2 Taça de Inglaterra e 1 Supertaça de Inglaterra.
Em Agosto de 2010 regressou ao Brasil para vestir a camisola do Fluminense F.C.. Ao serviço do clube do Rio de Janeiro, Deco conquistou por duas vezes o Campeonato do Brasil e um Campeonato Carioca.
Em 29 de Março de 2003, Deco estreou-se com a camisola da Selecção de Portugal num jogo contra o Brasil no Estádio das Antas. Foi uma estreia que não poderia ter corrido melhor já que Deco foi o autor do golo da vitória com que Portugal derrotou a Selecção Canarinha.
Depois disso esteve presente nos Campeonatos da Europa de 2004 e de 2008 e esteve também nos Campeonato do Mundo de 2006 e 2010.
No dia 26 de Agosto de 2013 anunciou o ponto final na sua rica carreira de futebolista.
Em 25 de Julho de 2014 reuniu grande parte dos seus amigos com quem jogou no Futebol Clube do Porto e também do F.C. Barcelona para um jogo que serviu de despedida oficial dos relvados mas também de homenagem. O cenário foi o Estádio do Dragão que teve a lotação esgotada para a festa de Deco mas também para voltar a ver a equipa portista que venceu a Liga dos Campeões de 2004. Deco vestiu novamente a camisola dos dois clubes com que se sagrou Campeão da Europa e terminou o jogo a apontar um monumental golo e a ouvir o apoio dos adeptos.

Palmarés
2 Ligas dos Campeões
1 Taça UEFA
3 Campeonatos Nacionais da 1ª Divisão (Portugal)
2 Campeonatos de Espanha
2 Campeonatos do Brasil
1 Campeonato de Inglaterra
1 Campeonato Carioca
3 Taças de Portugal
2 Taça de Inglaterra
3 Supertaças Cândido de Oliveira
2 Supertaças de Espanha
1 Supertaça de Inglaterra

deco_apresentacao_jogo_despedida