Ángel Sánchez venceu segunda etapa do GP Abimota

Ciclista da W52-FC Porto-Mestre da Cor cruzou a meta no Sabugal com três segundos de vantagem para segundo colocado

 

O ciclista espanhol Ángel Sánchez, da W52-FC Porto-Mestre da Cor, venceu na tarde desta sexta-feira a segunda etapa da 38.ª edição do Grande Prémio Abimota, cujos 144,5 quilómetros de extensão ligaram as localidades de Penamacor e Sabugal. Numa tirada que teve como maior dificuldade uma contagem de montanha de terceira categoria (Sortelha), mas que foi marcada por muitos altos e baixos, Sánchez demorou 3h56m10s a cruzar a meta, tendo terminado com uma média de 40,1 quilómetros por hora.

A três segundos do portista, no segundo lugar, concluiu Henrique Casimiro (Efapel), ficando o pódio completo com Filipe Cardoso. O corredor do Boavista terminou a sete segundos de Sámchez, um pouco adiantado face ao também portista João Rodrigues, que depois do quinto lugar de quinta-feira, fechou a segunda etapa no quarto posto.

Na classificação geral a camisola amarela continua na posse do espanhol Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé), que parte para a terceira etapa com 1m12s de vantagem para Filipe Cardoso e 1m20s para Frederico Figueiredo (Sporting-Tavira). O melhor corredor do FC Porto é João Rodrigues, que segue no quarto posto, a 1m27s do líder. Com o triunfo desta tarde, Ángel Sánchez subiu ao top-10, ocupando agora a nona posição, a 2m22s de Vicente de Mateos.

No que respeita à classificação coletiva, os Dragões são a segunda melhor formação, tendo um atraso de 5m22s para a líder Efapel.

No sábado o pelotão corre a terceira de quatro etapas da prova, que ligará as localidades de Almeida e Manteigas, numa extensão de 171,2 quilómetros.