Benni McCarthy: «Para um portista doente como eu é tão difícil encaixar o tetra»

Antigo avançado sul africano não esconde a tristeza pelo mau momento atravessado pelo FC Porto.

O nome de Benni McCarthy será, certamente, sinónimo de golos e alegrias para os adeptos do FC Porto. O antigo avançado sul africano não esquece a passagem por Portugal mas não deixa de admitir alguma tristeza com o atual momento dos Dragões.

“Para um portista doente como eu é tão difícil encaixar o tetra [do Benfica], é mesmo”, começou por dizer McCarthy, em entrevista ao jornal A Bola, na edição deste sábado, antes de prosseguir.

“Quando representava o FC Porto era impensável permitirmos algo assim. Imagino como se sentem os adeptos, o presidente Jorge Nuno Pinto da Costa e todos no clube”, explicou.

Recorde-se que Benni McCarthy apontou 59 golos em 125 partidas ao serviço dos Dragões.