Dragões Diário 16/11/2016

Bom dia,

De casa
A casa de todos nós faz hoje 13 anos. O Estádio do Dragão é um jovem adolescente que vive depressa e que já testemunhou vitórias épicas e conquistas inesquecíveis. Até agora festejamos 621 golos no Dragão, que já reúne uma série de façanhas apreciável, algumas delas aqui resumidas.

André Silva, Danilo e Brahimi estão de volta e ontem já treinaram com os companheiros – o avançado fez apenas treino de recuperação. Em falta continuam sete internacionais (Rúben Neves e Diogo Jota (Portugal Sub-21), Herrera, Layún e Corona (México), Óliver Torres (Espanha Sub-21) e Maxi Pereira (Uruguai), bem como Chidozie, que está a treinar com O FC Porto B.

João Capela vai ser o árbitro do jogo de depois de amanhã, em Chaves, para a Taça de Portugal. O juiz lisboeta vai ser auxiliado por Ricardo Jorge Santos e Tiago Rocha. O quarto árbitro será Miguel Libório.

José Ferreirinha Tavares falou ontem pela primeira vez como treinador do FC Porto B. O novo responsável promete prosseguir as ideias base da segunda equipa do nosso clube, sempre com o objetivo de desenvolver os jogadores: “Vamos querer manter um estilo de posse, de domínio e de forte reação à perda da bola, como é imagem do clube”.

O FC Porto manteve o percurso 100 por cento vitorioso no campeonato de andebol, depois de ontem ter vencido o Madeira SAD por 33-30. São 12 vitórias em 12 jogos, quando falta uma jornada para fechar a primeira volta.

Ricardo Costa ficou satisfeito com a vitória mas reconheceu que não foi o melhor jogo dos Dragões, em especial na defesa durante a segunda parte: “O importante era conquistarmos os três pontos. Não foi o jogo ideal da minha equipa, cometemos muitos erros individuais e sofremos demasiados golos, sobretudo na segunda parte“.

Antes, ao final da tarde, o FC Porto ficou a saber  que vai defrontar o 1.° de Maio de Picassinos, Marinha Grande, para a Taça de Portugal de andebol. O jogo está marcado para o dia 10 de dezembro, na Escola Nery Capucho.

Do Mundo
Em 2100 as Nações Unidas estimam que Angola e Moçambique totalizem 266 milhões de habitantes, o que fará com que a maioria dos falantes de português estejam em África, à frente dos 200 milhões que se estima que habitem no Brasil. A geografia da língua está naturalmente ligada à evolução demográfica e África será definitivamente o motor da língua de Camões. Atualmente, a língua portuguesa é a quarta mais falada do mundo, atrás do mandarim, do castelhano e do inglês.

O relógio de pulso mais caro de sempre foi vendido num leilão por dez milhões de euros. Trata-se de um relógio da exclusiva marca Patek Phillipe, relojoeira suíça que produz relógios segundo os mais altos padrões de qualidade desde 1839 e que introduziu novidades como o calendário perpétuo e o cronógrafo. O comprador quis manter o anonimato.

Aconteceu
A 16 de novembro de 1947 o FC Porto recebeu e venceu o Elvas por 4-0. Até aqui tudo normal, mas neste jogo iniciou-se uma longa série de Ângelo Carvalho, que fez mais de três épocas consecutivas pelo nosso clube sem falhar um único jogo. A extraordinária série terminaria apenas a 28 de janeiro de 1951.

Para ouvir
Hoje terminamos a homenagem a Leonard Cohen, com uma sensacional versão de Nick Cave de Tower of Song. Haveremos de voltar às canções deste trovador universal.

Até amanhã,

Francisco J. Marques

FONTE/FC PORTO