Dragões Diário 26/04/2017

Bom dia,

De casa
Não falta muito para Nuno Espírito Santo dar início a mais um dia de trabalho: a partir das 10h00, no Olival, o plantel do FC Porto retoma a preparação do jogo com o Desportivo de Chaves (sábado, 20h30), para a jornada 31 da Liga. No treino de ontem estiveram presentes sete jogadores dos “bês” e no boletim clínico estão escritos os nomes de Corona e de Danilo.

À mesma hora a que a equipa começa a treinar, estarão disponíveis, na Loja do Associado do Dragão, os bilhetes para o encontro com os flavienses. O preço é convidativo, pelo que são esperados muitos portistas nas bancadas do Estádio Eng.º Manuel Branco Teixeira.

Os Sub-17 não foram felizes na deslocação ao Seixal. Perderam por 2-1 com o Benfica, num jogo equilibrado e em que se podem queixar do azar. Chegaram ao empate na segunda parte e, numa fase em que estavam por cima, sofreram um golo num lance fortuito. Foi a primeira derrota na fase final do campeonato, após a estreia vitoriosa com a Académica. No próximo domingo (11h00), no Olival, há novo clássico, agora com o Sporting.

Vestiram de azul e branco quatro dos dez ciclistas mais rápidos no Grande Prémio de Mortágua, que se realizou ontem. Joaquim Silva terminou na segunda posição, com o mesmo tempo do vencedor. Logo a seguir, Samuel Caldeira (3.º), Daniel Freitas (5.º) e Amaro Antunes (7.º) cortaram a meta de mais uma prova em que a W52-FC Porto-Mestre da Cor voltou a dominar em termos coletivos.

A seleção portuguesa de futebol de 7 (Paralisia Cerebral), que vai participar na edição inaugural da Sal Beach Soccer Cup, é composta exclusivamente por jogadores do FC Porto. A competição realiza-se em Cabo Verde, entre 18 e 22 de maio.

Do Mundo
Sabe qual é o destino do dinheiro que aposta no Euromilhões ou na Placard? Ao contrário do que muitos pensam, apenas uma pequena parte das receitas apuradas nos jogos sociais segue para os cofres da Santa Casa, porque a maioria é distribuída por vários ministérios. As verbas servem para apoiar programas de saúde ou de cariz social. Só em 2015 foram entregues 596 milhões de euros a todos os beneficiários. Os ministérios do Trabalho e da Saúde foram os que mais receberam no ano passado: o primeiro viu entrar 291 milhões e o segundo arrecadou 96 milhões de euros.

As crianças até aos 3 anos que utilizam smartphones e tablets dormem menos. Foi o que concluiu um estudo da Universidade de Londres, que pretendia avaliar a existência de perturbações do sono nos bebés que utilizam estes aparelhos. Por cada hora de uso, são menos 15 minutos por dia e, apesar de fazerem sestas mais longas, demoram mais tempo a adormecer. A investigação sublinha, por outro lado, que este tipo de gadgets as ajuda a desenvolver mais rapidamente as capacidades motoras finas, sempre que estejam a interagir e não apenas como espetadores passivos.

Aconteceu
1982, 26 de abril, segunda-feira. É o primeiro dia útil de trabalho do novo Presidente do FC Porto depois de ter tomado posse. São 9h00 e toda a Direção está reunida no Estádio das Antas, apesar de o clube só abrir as portas às 10h00. É hora de meter mãos à obra, há muito que fazer. Pedem-se os extratos das contas bancárias, nenhuma tinha liquidez. Não havia dinheiro, havia cheques passados para o final do mês e salários por pagar – faltava uma semana para o mês acabar. “Batalhámos muito e aqueles que só nos davam três meses deram por si a fazer contas de multiplicar, porque muitas e muitas outras séries de três meses se seguiram. Valeu a pena, porque a situação, se não era dramática, andava lá perto”, contaria, mais tarde, Jorge Nuno Pinto da Costa à revista Dragões por ocasião dos 25 anos de presidência. Entretanto, passaram mais dez.

Para ouvir
Continuamos naquela década de 80 do século XX, mas avançamos até 1985. Há 32 anos, neste dia, os portistas já podiam ler o primeiro número da Dragões, publicado na véspera, a 25 de abril. E podiam acompanhar a leitura da revista que conta a história do FC Porto com esta música, um dos maiores sucessos de The Head On The Door, álbum de grande sucesso lançado naquele ano pelos intemporais The Cure.

Até amanhã,

João Queiroz

Fonte: FC Porto