Eléctrico sem hipóteses frente a Dragão esmagador

Encontro da décima jornada da primeira fase da Liga terminou com triunfo do FC Porto (116-60)

 

O FC Porto recebeu e bateu este sábado o Eléctrico (116-60), no Dragão Caixa, em partida referente à décima jornada da primeira fase da Liga Portuguesa de Basquetebol. Os azuis e brancos voltam a entrar em campo na próxima quarta-feira (13 de dezembro), às 21h15, frente ao Barreirense, na 11.ª ronda. O jogo disputa-se no Pavilhão Municipal Luís de Carvalho, no Barreiro.

Em abono da verdade, este FC Porto-Eléctrico não teve muito que se lhe diga, mas é importante sublinhar a entrada demolidora dos Dragões, com um parcial de 34-18 no primeiro período. Ao intervalo a vantagem portista era já de 33 pontos (59-26) e a etapa complementar serviu apenas para colocar o carimbo em mais um triunfo do FC Porto no campeonato (116-60), com direito a recorde de pontos marcados em 2017/18. Numa grande exibição do coletivo azul e branco, seis jogadores marcaram na casa das dezenas, sendo que Will Hanley (12 pontos, 10 ressaltos e 9 assistências) ficou muito perto de um raríssimo triplo-duplo.

“Honestamente, já se sabia que a diferença de potencial e de talento entre as duas equipas era grande, mas entrámos com muita vontade de mostrar que pertencemos à parte cimeira da tabela. O apuramento para a Taça Hugo dos Santos também está em causa, por isso queríamos vencer e pela maior margem possível. Jogámos com muita intensidade e vontade de fazer bem as coisas, com algumas exibições individuais fantásticas. Mesmo sendo um jogo com uma diferença grande, foi bonito para quem viu”, afirmou Moncho López, no final da partida, em declarações ao Porto Canal.

FICHA DE JOGO

FC PORTO-ELÉCTRICO, 116-60
Liga Portuguesa de Basquetebol, fase 1, 10.ª jornada
9 de dezembro de 2017
Dragão Caixa, Porto

Árbitros: Fernando Rocha, Pedro Lourenço e Diogo Martins

FC PORTO: Pedro Pinto (5), Marcus Gilbert (19), Will Wheehey (19), Will Hanley (12) e Miguel Queiroz (14)
Suplentes: Pedro Bastos (7), Sasa Borovnjak (12), Ferrán Ventura (5), André Bessa (9), António Monteiro (12) e Miguel Miranda (2)
Treinador: Moncho López

ELÉCTRICO: Tiago Pinto (9), António Pina (2), Kevin Coronel (15), Earnest Jr. (1) e Brian Jr. (5)
Suplentes: Francisco Oliveira, André Miguens (13), João Lanzinha (2), João Caldeira (4), Artem Melnychuk, Paulo Raminhos (5) e Mário Neves (4)
Treinador: Marco Galego

Ao intervalo: 59-26
Parciais: 34-18, 25-8, 31-21, 26-13