Entrada em falso na final

FC Porto perdeu com o Benfica (70-73), no Dragão Caixa, no primeiro jogo da final dos Playoffs da LPB

 

O FC Porto não entrou com a mão direita na final dos Playoffs da Liga Portuguesa de Basquetebol, depois de perder esta sexta-feira frente ao Benfica (70-73), no Dragão Caixa, no primeiro jogo da eliminatória, disputada à melhor de cinco. As duas equipas voltam a encontrar-se já este domingo, a partir das 19h00 (Porto Canal), novamente no Dragão Caixa.

O primeiro clássico desta final começou de feição para o FC Porto, que protagonizou dez minutos de grande nível e aproveitou o embalo para construir uma vantagem de seis pontos após o período inicial (19-13). O Benfica foi recuperando terreno e forçou uma igualdade a 20, mas os Dragões não se deixaram ficar e rapidamente voltaram a distanciar-se (31-20), deixando a ideia de que o intervalo chegaria com uma boa vantagem portista. Puro engano.

Os lisboetas ganharam novo fôlego e souberam capitalizar alguns erros dos campeões nacionais, estabelecendo novo empate já perto do descanso (32-32), desfeito por José Silva (11 pontos) antes das equipas recolherem aos balneários. Além do extremo português, também Sasa Borovnjak (8 pontos e 6 ressaltos), Nick Washburn (6 pontos e 10 ressaltos) e Brad Tinsley (5 pontos e 5 assistências) se destacavam no coletivo portista.

Tal como na primeira parte, foi o FC Porto quem entrou melhor no segundo tempo, mas o Benfica nunca permitiu aos Dragões distanciarem-se demasiado. Num autêntico jogo de parada e resposta, a equipa de Moncho López ia forçando o domínio e os lisboetas respondiam, pelo que os três pontos de diferença à entrada para o quarto e último período não surpreendiam ninguém (57-54). Apesar do ligeiro ascendente, o FC Porto encontrava sempre oposição no momento de disparar no marcador.

O Benfica entrou no período da decisão com a pontaria mais afinada e passou para a frente (57-61), colocando os Dragões em sentido. A pouco mais de um minuto do fim, os lisboetas dispunham de dois pontos de vantagem (69-67) e os Dragões tiveram oportunidade de empatar, mas o lançamento de Brad Tinsley não entrou e originou um contra-ataque bem sucedido do Benfica, que acabou mesmo por vencer no Dragão Caixa (70-73). Nos portistas, destaque para as exibições de José Silva (20 pontos), Nick Washburn (10 pontos e 13 ressaltos), Brad Tinsley (10 pontos e 8 assistências) e Sasa Borovnjak (10 pontos e 6 ressaltos).

FICHA DE JOGO

FC PORTO-BENFICA, 70-73
Liga Portuguesa de Basquetebol, Playoffs, Final, Jogo 1
2 de junho de 2016
Dragão Caixa, Porto

Árbitros: Luís Lopes, Paulo Marques e Pedro Rodrigues

FC PORTO: Brad Tinsley (10), Jeff Xavier (9), José Silva (20), Nick Washburn (10) e Miguel Queiroz (4)
Suplentes: Ferrán Ventura (6), Miguel Miranda, Sasa Borovnjak (10), André Bessa (1), Pedro Bastos, João Grosso e João Gallina
Treinador: Moncho López

BENFICA: Mário Fernandes, Carlos Morais (13), João Soares (2), Damian Hollis (14) e Raven Barber (12)
Suplentes: Derek Raivio, Tomás Barroso (16), Nuno Oliveira (8), Nicolas dos Santos, Carlos Andrade (8), Ricardo Monteiro e Sérgio Silva
Treinador: Carlos Lisboa

Ao intervalo: 35-32
Parciais: 19-13, 16-19, 22-22, 13-19

Fonte: FC Porto