“Estamos a preparar uma grande época”

Ale​x Telles elogia o espírito competitivo e vencedor de Sérgio Conceição: “O treinador certo está connosco”, diz

Exatamente um ano e um dia depois de ter sido apresentado como jogador do FC Porto, Alex Telles fez questão de assinalar a data na superflash desta sexta-feira. Diz que se sente em casa desde que cá chegou e mostra-se muito motivado para iniciar a segunda época de azul e branco vestido, ao lado daquele que defende ser o treinador certo no lugar certo, com quem a equipa fará “um grande trabalho”.

O lateral brasileiro considera ainda que estas duas primeiras semanas de trabalho estão a correr “muito bem”, mas não esconde que já conta os dias para o primeiro jogo amigável da pré-temporada – com o Cruz Azul, na madrugada da próxima terça-feira – para os jogadores poderem colocar em prática tudo o que têm aprendido nos treinos.

Boas energias
“Estamos a trabalhar muito por um objetivo. Nós, jogadores, e toda a equipa técnica, estamos a sentir boas energias, os treinos estão a correr muito bem, o mister está a dar-nos muita confiança – e isso é muito importante -, está a transmitir a sua forma de trabalhar e nós estamos a conseguir entendê-lo da melhor forma. Com a sequência de jogos, o cansaço vai naturalmente aumentar, mas tenho a certeza de que os jogadores estão a preparar-se física, mental e taticamente para fazer uma grande época.”

O novo treinador
“Todos conhecem o seu espírito competitivo, é um treinador que quer ganhar sempre e, de facto, no futebol, não há espaço para quem não pensa assim. Penso que o treinador certo está connosco e não tenho dúvidas de que faremos um grande trabalho. Temos que assimilar o mais rapidamente possível a sua filosofia de trabalho, imbuir-nos do seu espírito vencedor e colocá-lo dentro de campo.”

A importância dos ‘amigáveis’
“Os treinos físicos e táticos são imprescindíveis, mas sabemos que os jogos amigáveis são importantes para que possamos colocar em prática tudo o que temos vindo a treinar e, quando chegar o campeonato, estarmos preparados para poder começar muito bem.”

A concorrência de Rafa
“Quem ganha com a concorrência é a equipa e nós, jogadores, que queremos conquistar o nosso espaço sem passar por cima de ninguém. Temos uma motivação a mais nos treinos. Tive o primeiro contacto com o Rafa agora e é um rapaz fora de série, que me ajuda bastante e que eu também procuro ajudar.”

A digressão mexicana
“Sabemos que o México tem um carinho especial pelo clube, até pelos jogadores mexicanos que aqui estão, tenho a certeza de que seremos muito bem recebidos. Vai ser uma festa bonita para os adeptos, para as pessoas que vão ter um primeiro contacto com os jogadores e com o clube, mas nós vamos lá para trabalhar, para no fim da época conseguirmos o nosso grande objetivo.”

O balanço de 2016/17
“A única coisa que nos faltou na época passada foi realmente concretizarmos o nosso grande objetivo, que era a conquista do campeonato. Para mim, individualmente foi um ano muito bom, que não foi de adaptação porque me senti em casa desde o dia em que cá cheguei. Foi ontem, no dia 13, que completei um ano de contrato e estou muito feliz por poder estar aqui para fazer mais um ano.”

Fonte: FC Porto