FC Porto acerta venda de Lichnovsky

Central custou cerca de 1,9 milhões de euros em 2014 e só tinha mais um ano de contrato. Poucas hipóteses para jogar levaram-no a aceitar o convite proveniente do México.

O FC Porto continua a arrumar a casa e, depois de Andrés Fernández, rompeu a ligação com mais um jogador que poucas hipóteses teve de se mostrar no clube: Lichnovsky. O chileno vai passar a representar os mexicanos do Necaxa, que pagam 1,8 milhões de euros pelo jogador, cujo contrato com os dragões se estendia até 30 de junho de 2018. O central já se encontra a caminho do México, onde é esperado durante o dia de amanhã para realizar exames médicos e assinar um vínculo válido pelas próximas três temporadas. O valor da operação vai unicamente para a SAD azul e branca, que tinha a totalidade do passe do jogador de 23 anos, por quem pagou cerca de 1,9 milhões de euros ao Universidad de Chile, em 2014.

Lichnovsky desvincula-se assim do FC Porto, depois de ter passado as últimas duas temporadas emprestado, ao Sporting Gijón e ao Valhadolid, respetivamente. O chileno ainda chegou a cumprir três jogos pela equipa principal portista em 2015/16 – dois na Taça de Portugal e um na Taça da Liga -, mas nunca se conseguiu impor com Julen Lopetegui ou José Peseiro, sendo utilizado maioritariamente na equipa secundária.

FONTE: O JOGO