Francisco J Marques voltou à carga

F.C. Porto: “O Benfica é que está a ser investigado”

Francisco J. Marques, diretor de comunicação do F. C. Porto, refuta as notícias de um canal de TV por cabo sobre alegadas bruxarias na Guiné, desmonta e nega o comunicado que o Benfica difundiu após a referida reportagem, denuncia “a tentativa de desvio das atenções” da opinião pública e observa que “o Benfica é que está a ser investigado” pela Unidade de Combate à Corrupção da Polícia Judiciária.

“Há pessoas que querem fingir e dizer que não. Mas o Benfica é que está a ser investigado. Está mesmo. Não é o F. C. Porto”, insistiu Francisco J. Marques no programa “Universo Porto – Bancada”, difundido nesta noite de terça-feira, no Porto Canal.

“Na semana passada, o Rui Santos divulgou que várias pessoas, entre as quais o ex-árbitro Marco Ferreira, tinham sido já interrogadas pela Polícia. Também me parece, depois de ler o comunicado do Benfica, que alguém do clube também foi já interrogado”, disse Francisco J. Marques.

Marques lembra que faz já três meses que começou a divulgar os emails que comprovam o suposto tráfico de influências e relações perigosas do Benfica no futebol português e promulga o dia 6 de junho como “dia da libertação do futebol português”.

One Comment