Máquina trituradora

Recorde no vídeo alguns dos 45 golos marcados pelo FC Porto nas 17 jornadas da primeira volta da Liga NOS

 

O FC Porto foi uma verdadeira máquina de fazer golos na primeira volta da Liga NOS e, para encontrar na história um ataque mais concretizador, temos de recuar até 1995/1996, época em que apontou 46 tentos nas primeiras 17 jornadas do campeonato – uma média de 2,71 golos por partida.

Nesta temporada, os Dragões contabilizam apenas menos um golo do que há 22 anos, perfazendo uma média de 2,64, o que faz com que iniciem a segunda rodada da Liga como a equipa mais goleadora, a que regista a melhor saldo de golos (45-9) e aquela que mair número de goleadas impôs: sete das 14 vitórias foram garantidas com uma diferença igual ou superior ou três golos, cinco das quais conseguidas em casa, onde apenas, até agora, cederam dois pontos.

Vincent Aboubakar e Moussa Marega são os homens-golo desta equipa que chegou à primeira metade da época com o melhor ataque do século​: o camaronês e o maliano já marcaram, cada um, 14 golos, sendo portanto responsáveis por mais de metade dos remates certeiros do FC Porto no campeonato. No que diz respeito às assistências, há dois jogadores que se destacam: Yacine Brahimi e Alex Telles, que já contribuíram com sete e seis passes para golo respetivamente.

Fonte: FC Porto