Mentiras à moda de Goebbels

Há pouco mais de um mês, o jornal Record noticiava que o FC Porto estaria interessado nos serviços do treinador Carlos Resende e o Dragões Diário tratou de o desmentir categoricamente. Não satisfeito, aquele diário desportivo, na edição de ontem, voltou a fazer notícia dessa mentira, na esperança de que tantas vezes repetida se torne verdade, como um dia disse Joseph Goebbels. A verdade é que ela continua a ser mentira e aproveitamos estas linhas para lançar o desafio a Carlos Resende de revelar quem é que, da parte do FC Porto, fez a tal abordagem que nunca existiu. Tal como aqui foi escrito na edição de 7 de abril, há 20 anos que neste clube os plantéis e equipas técnicas são constituídos da mesma forma – no final de cada época – e esta não vai fugir à regra. Perceberam? Ou é preciso fazer um desenho?

Edição 7 de Abril Dragões Diário

Ainda sobre a primeira derrota nas competições nacionais da equipa de andebol, com o ABC, importa questionar porque, mais uma vez, as arbitragens passam a interferir no desempenho das equipas quando chegam os jogos decisivos. Este vídeo é esclarecedor. E depois há as pretensas notícias para tentar desestabilizar, como aconteceu esta semana no jornal ‘Record’, quando se disse que o FC Porto estava interessado em Carlos Resende para treinador, o que é falso. Há 20 anos que os plantéis e equipas técnicas são constituídos da mesma forma, no final das épocas, e este ano não vai ser diferente. Quanto ao suposto interesse em Resende, não passa de uma patética tentativa de passar a ideia de que o técnico não tem já o futuro definido.

FONTES: FC Porto