Nova derrota deixa campeões em posição delicada

FC Porto voltou a perder com o Benfica (81-83) e viu os lisboetas aumentarem a vantagem na final dos Playoffs da LPB

 

O FC Porto não se conseguiu redimir da derrota de sexta-feira (70-73) e voltou a perder este domingo diante do Benfica (81-83), no Dragão Caixa, no segundo jogo da final dos Playoffs da Liga Portuguesa de Basquetebol, disputada à melhor de cinco. Com 2-0 para os lisboetas na eliminatória, o próximo encontro será disputado no Pavilhão da Luz e com transmissão em direto no Porto Canal: dia 9 de junho (sexta-feira), às 19h00. Em caso de vitória do Benfica, os lisboetas sagram-se campeões, enquanto um triunfo portista obriga a novo jogo, no dia 11 de junho (domingo), às 16h00.

O equilíbrio é quase sempre a nota dominante nos duelos entre FC Porto e Benfica e o primeiro período não fugiu à regra, como demonstra o empate a 23 após os dez minutos iniciais. Os Dragões entraram melhor no segundo período e rapidamente se distanciaram no marcador (34-25), mas os lisboetas também foram céleres na recuperação e não deixaram o FC Porto fugir perigosamente no caminho para o intervalo, que chegou com os campeões nacionais ainda na frente (43-39). Por esta altura, Sasa Boronvjak (11) era o único Dragão na casa das dezenas em pontos marcados, mas alguns companheiros também estiveram em bom plano.

O segundo tempo não fugiu muito ao que foi o primeiro e o clássico manteve-se equilibrado após o descanso, até porque o terceiro período deixou as duas equipas separadas por apenas dois pontos à entrada para os derradeiros dez minutos (57-55). Os instantes finais foram verdadeiramente eletrizantes e reforçaram a dúvida quanto ao vencedor da partida, mas o Benfica acabou por ser mais eficaz nos momentos decisivos e ainda viu Jeff Xavier falhar um triplo no último segundo, que impediria o triunfo lisboeta (81-83). No coletivo portista, destaque para as prestações de Sasa Borovnjak (21 pontos), Brad Tinsley (17 pontos) e Jeff Xavier (15 pontos).

No final da partida, Moncho López lamentou as falhas defensivas e a pontinha de sorte que faltou aos Dragões. “Houve semelhanças com o primeiro jogo, apesar de termos conseguido melhorar algumas coisas no ataque, partilhando mais e melhor a bola. Cometemos algumas falhas em termos defensivos e errámos na leitura de algumas situações, o que nos penalizou muito, sobretudo frente a uma equipa como a do Benfica. Temos de pensar que há coisas para melhorar para podermos vencê-los, mas aquela pontinha de sorte também é importante no desporto”, afirmou o treinador espanhol, em declarações ao Porto Canal.

FICHA DE JOGO

FC PORTO-BENFICA, 81-83
Liga Portuguesa de Basquetebol, Playoffs, Final, Jogo 2
4 de junho de 2016
Dragão Caixa, Porto

Árbitros: Fernando Rocha, Sérgio Silva e Hugo Antunes

FC PORTO: Brad Tinsley (17), Jeff Xavier (15), José Silva (9), Nick Washburn (6) e Miguel Queiroz (8)
Suplentes: Ferrán Ventura, Miguel Miranda, Sasa Borovnjak (21), André Bessa, Pedro Bastos (5), João Grosso e João Gallina
Treinador: Moncho López

BENFICA: Nuno Oliveira (7), Carlos Morais (8), João Soares (9), Carlos Andrade (5) e Raven Barber (11)
Suplentes: Derek Raivio (11), Tomás Barroso (9), Mário Fernandes, Nicolas dos Santos (8), Damian Hollis (15), Ricardo Monteiro e Sérgio Silva
Treinador: Carlos Lisboa

Ao intervalo: 43-39
Parciais: 23-23, 20-16, 14-16, 24-28

Fonte: FC Porto