O 13.º apuramento vale 24,5 milhões

Em 21 presenças na Liga dos Campeões, o FC Porto já passou 12 vezes a fase de grupos. Vitória esta noite garante oitavos e muito dinheiro

“Temos consciência que a nossa época não tem sido tão regular no que toca aos resultados. O processo de crescimento é bom, mas os resultados não têm acompanhado o bom jogo da equipa” “Sexta, em Chaves, foi uma desilusão muito grande para milhares de portistas. Queremos vencer por eles” “Podemos falar em orgulho ferido, mas revolta não pode haver. Há é nova oportunidade de mostrar que Chaves não reflete o que queremos ser” “Empate? Nunca pensamos noutro resultado nem vemos outro cenário que não a vitória” Nuno Espírito Santo Treinador do FC Porto

Um triunfo em Copenhaga garante sete milhões de euros para acrescentar aos 17,5 já assegurados na liga milionária. Prova de fogo para a equipa de Nuno na ressaca da eliminação prematura da Taça

Boa disposição sempre presente, na véspera de os dragões poderem somar M€7O recordista de presenças na Liga dos Campeões – 21 – a par de Real Madrid e Barcelona pode, esta noite, garantir pela 13.ª vez a passagem à fase seguinte da prova. O FC Porto chegou a Copenhaga com mais dois pontos do que o adversário e sabe que uma vitória carimba já o apuramento para os oitavos de final e assegura o encaixe de mais sete milhões de euros: a UEFA paga 1,5 milhões por cada vitória e vai dar 5,5 milhões a cada um dos 16 clubes que se apurarem.

Numa temporada em que o FC Porto vai ter de realizar muito dinheiro para voltar a cumprir o fair play financeiro, a Liga dos Campeões pode ser determinante. Desde logo pela valorização que permite aos jogadores que possam vir a ser transferidos, mas também pelos prémios pagos pelo organismo que tutela o futebol europeu. Neste momento, o FC Porto já recebeu 17,5 milhões de euros: dois por ter ganho o play-off, 12 milhões pela entrada na fase de grupos e 3,5 milhões pelos sete pontos conquistados.

Após o prematuro afastamento da Taça de Portugal, em Chaves, a equipa portista joga esta noite uma cartada muito importante para o que resta da temporada. É verdade que uma derrota não deita tudo a perder, mas deixaria o FC Porto em maus lençóis para a última jornada, em que recebe o Leicester e estaria sempre dependente do resultado que o Copenhaga fizesse em Brugge.

Para evitarem ter de pegar na calculadora, os dragões têm de vencer os dinamarqueses, que estão sem os avançados Cornelius e Santander. A vitória garante a 13.ª participação na fase a eliminar da principal prova de clubes, que o FC Porto venceu em 2004, e permite melhorar o resultado da época passada, em que caiu para a Liga Europa. A título de curiosidade, se o Real Madrid não perder em Alvalade, assegura a 20.ª presença consecutiva nos oitavos de final da Liga dos Campeões.

2016-11-22

7

A vitória em Copenhaga garante ao FC Porto sete milhões de euros: 1,5 pelo triunfo e 5,5 pela passagem aos oitavos de final

 

FONTE/ OJOGO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *