Os e-mails do “Apito Abençoado” – Parte II

Aqui fica a Parte II do post sobre os emails do “Apito Abençoado” divulgados ontem por Francisco J.Marques no Porto Canal. Se ainda não viram o primeiro post recomendo a leitura prévia para que possam perceber todo o esquema. Basta clicarem (aqui).

Apenas quero ser um menino querido para vocês

 

 

Em Março de 2014, Nuno Cabral antigo árbitro de Vila Real e à data dos factos delegado da Liga enviou este email para Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves. O anexo não foi obtido por Francisco J.Marques mas o “Bom trabalho! Excelente!” é suficientemente elucidativo quanto à qualidade do material.
O que dizer de um delegado da Liga que envia informação supostamente confidencial (se fosse publica para quê enviar o email) para o Presidente e o assessor jurídico do Benfica? E este “artista” ainda acrescenta que “só quer ser um menino querido para vocês e fazer bem o meu trabalho e que o homem confie em mim tal como o Dr.” Obviamente, o “homem” é Luís Filipe Vieira.
Meus senhores, o que é isto?

 

Pinheiro manso

 

Na preparação da época 2014/2015 a FPF enviou um email para 15 árbitros onde os convocava para estarem presentes no estágio de elite de árbitros de futebol. Destes 15 árbitros, 12 teriam a oportunidade de apitar jogos profissionais durante a época. O árbitro João Pinheiro resolveu reencaminhar o email para Nuno Cabral, o delegado da Liga que como vimos em cima, meses antes tinha enviado informações para Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves.
E Nuno Cabral reencaminhou de imediato o email para Paulo Gonçalves.

 

Como é que correu o estágio de João Pinheiro?

O estágio de João Pinheiro correu às mil maravilhas. Foi um dos 12 escolhidos para fazer parte do lote de estagiários que em 2014/2015 iriam apitar jogos profissionais (I e II Liga). Relembro que este senhor era um árbitro de 3º Divisão na época 2013/2014. Com 26 anos chegou aos campeonatos profissionais. É incrível não é? Mas há mais.
Aqui estão os números da época 2014/2015. A época de “estágio” correu tão bem que logo no início da época seguinte João Pinheiro foi nomeado árbitro internacional. Sim, leu bem! Árbitro internacional.
Link da notícia (aqui)
Para não ser internacional sem ter apitado um único jogo da primeira Liga, Vitor Pereira lá meteu o rapaz a fazer dois jogos da I Liga logo no início da época 2015/2016.

O Mostovoi de Viatodos

Em Barcelos, mais precisamente em Viatodos o senhor João Pinheiro é conhecido por “Mostovoi” em homenagem ao antigo jogador encarnado que era da sua preferência enquanto criança. O nosso “Mostovoi” teve duas enormes coincidências que o ajudaram a subir tanto na sua carreira. Primeiro, o facto de ter nascido numa família de Benfiquistas como já demonstrou o Blog “Tu Vais Vencer” (aqui) e depois o facto de ser natural de Barcelos e assim poder ter começado a sua carreira no apito através da Associação de Futebol de Braga, cujo responsável pelas nomeações era o Sr. Adão Mendes. O tal que é mete a carne toda no assador pelo Benfica.

E assim se faz um “internacional”. Que lindo esquema de corrupção e tráfico de influências.

Podem ver o vídeo sobre estes emails de seguida:

Vídeo do “O Artista do Dia”

Reforço a necessidade de leitura do primeiro post sobre o assunto (aqui).