Os reis da Escandinávia

Fique a conhecer melhor o adversário do FC Porto no jogo da quinta jornada do grupo G da Liga dos Campeões

 

Por João Queiroz

O Football Club København é um clube jovem e secular. Confuso? A explicação é simples: foi fundado a 1 de julho de 1992 e resultou da fusão de dois emblemas históricos, o Kjøbenhavns Boldklub (KB) e o Boldklubben 1903 (B 1903), que dominaram o futebol dinamarquês no século passado. Sagrou-se campeão logo na época de estreia, mas viria a impor-se apenas neste milénio, em que celebrou dez títulos nacionais em 16 possíveis, ergueu sete Taças e ainda venceu por duas vezes a Real Liga Escandinava, uma competição disputada por equipas dinamarquesas, suecas e norueguesas entre 2004 e 2007.

Foi também no início deste segundo milénio que ganhou projeção internacional. Em 2006/07 chegou pela primeira vez à fase de grupos da Liga dos Campeões, na época seguinte tornou-se a única equipa dinamarquesa a atingir os oitavos de final da prova, acabando eliminado pelo Chelsea, e dois anos depois regressou à companhia dos grandes do futebol europeu.Na temporada passada fez história, ao sagrar-se campeão pela 11.ª vez, tornando-se o clube dinamarquês com mais títulos nacionais, à frente do rival Brondby, que conta menos um.

É treinado pelo antigo internacional norueguês Stale Solbakken que dirige uma equipa que no verão perdeu para o Feyenoord o seu melhor marcador, Nicolai Jørgensen, mas que viu chegar do Ajax o defesa Nicolai Boilesen e que mantém nas suas fileiras o avançado Federico Santander, também ele uma garantia de golos.

O estádio
O Estádio Parken, casa do Copenhaga e da seleção dinamarquesa, fica localizado no bairro de Østerbro, na capital, foi inaugurado a 9 de setembro de 1992 e tem capacidade para 38 065 espetadores. O estádio, classificado pela UEFA com quatro estrelas, foi reconstruído em 2009 e implicou um investimento de mais de 85 milhões de euros. Já recebeu uma final da extinta Taça dos Vencedores de Taças, uma da Taça UEFA, uma Supertaça Europeia e é um dos 13 recintos que vai acolher o Europeu de 2020.

SABIA QUE…

…o médio dinamarquês William Kvist é o jogador com mais jogos disputados nas competições europeias com a camisola do FCK (63) e que o senegalês Dame N’Doye, avançado que já passou pela Académica e agora representa o Tranbzonspor, o que mais golos marcou (16)?

…os FCKPC são a principal claque do Copenhaga, com mais de 20 mil membros inscritos, fundada menos de um ano antes de o clube realizar o seu primeiro jogo oficial?

…o jogo Dinamarca-Grécia, de qualificação para o Mundial 2006, levou o Estádio do Copenhaga a bater o recorde de assistência de 42.099 espetadores?

…o último jogador do FC Porto a marcar na Dinamarca foi o médio brasileiro Emerson, que há mais de 20 anos bisou num jogo com o Aalborg da fase de grupos da Champions?

Texto publicado na edição de setembro de 2016 da “Dragões”, a revista oficial do FC Porto, que pode subscrever aqui.

Créditos: Anders Hviid/Lars Moller

 

FONTE/ FC PORTO