Protesto dos Dragões já seguiu para a Federação de Andebol

Em causa está o clássico com o Benfica, da nona jornada da fase final do campeonato

 

O protesto do FC Porto referente ao mais recente clássico com o Benfica, na Luz, da nona e penúltima jornada da fase final do Andebol 1, já seguiu para a Federação de Andebol de Portugal. No jogo que terminou com vitória dos lisboetas por 28-27, o FC Porto viu ser-lhe anulado um golo limpo, apontado por Alexis Borges, que colocaria os Dragões em vantagem, precisamente por 27-28, a poucos segundos do fim.

Na sequência dessa jogada, o Benfica colocou-se em vantagem e, posteriormente, travou em falta a reação portista. Por acontecer nos últimos 30 segundos do jogo, e de acordo com as regras, essa falta deveria ter sido punida com expulsão e livre de sete metros. Seria, indiscutivelmente, uma oportunidade soberana para o FC Porto restabelecer o empate de que necessitava, de forma a depender apenas de si próprio para conquistar o campeonato.

Fonte: FC Porto