Já viste este telemovel igual ao Galaxy S8, Octacore, Camara 16Mp da Sony, Touch ID...etc por APENAS 100€? Visita o nosso link e não pagas portes de envio nem taxas alfandegárias!

CLICA AQUI

“Queremos vencer porque ainda olhamos para cima”

Nuno Espírito Santo, treinador do FC Porto, mostra-se satisfeito com a redução da desvantagem para o Benfica em vésperas do clássico no Dragão com o Sporting

 

Motivação da equipa: “Sempre houve crença no trabalho. Sabemos que a dedicação nos permitiu estar aqui, a um ponto da liderança. Queremos, sim, ser líderes no final do campeonato e sermos campeões. A nossa motivação é permanente. Eles sabem como é importante cada jogo. Queremos ser lideres e esperar para ver o que acontece depois”.

A fortaleza: “O mais importante de estar a um ponto é que dependemos apenas de nós e disso nós gostámos. Foi fundamental este trajeto saber manter o rumo. Estamos a um ponto, dependemos de nós. Sabemos que o jogo será difícil, mas jogámos no Dragão, a nossa fortaleza. Sabemos que o estádio vai estar cheio e com os adeptos seremos mais fortes. Tudo faremos para celebrar a vitória juntos”.

Árbitro: “Espero um bom trabalho, que esteja ao seu nível e que não tenha influência no jogo. Confiámos no trabalho dele.”

Motivação a um ponto: “A motivação existe sempre, sabemos que todos os jogos são fundamentais, é desta forma que encarámos. Temos o objetivo de vencer porque continuamos a olhar para cima”.

Um novo Sporting: “O FC Porto conhece perfeitamente o Sporting após as mudanças e sabemos que está recheado de bons jogadores. Mas o Sporting vai defrontar um FC Porto motivado, preparado e com vontade de vencer no Dragão”

Ausência de William Carvalho: “É um bom jogador, todos sabem, mas a ausência será colmatada por outro jogador de igual qualidade. Sabemos as opções que poderão estar em campo e estamos preparados. Será um grande jogo. Duas grandes equipas e um estádio cheio, mas em nossa casa. Contamos com o apoio dos adeptos. Tudo faremos para celebrar uma vitória juntos”.

Equipa a melhorar contra crise dos rivais: “Estamos num processo de construção, de crescimento sustentado. Todos os jogos são oportunidades para corrigir e para crescer. Não faço comparações. Desejamos muito ser campeões e ainda falta muito. Dá muito trabalho”.

Soares e pressão sobre o Benfica: “Ainda falta um treino. Seguramente que tomaremos as melhores decisões. Felizmente, só temos uma baixa, que é o Rúben [Neves]. Todos estão disponíveis, motivados e concentrados”.

Pressão sobre o Benfica: “Sabemos o que temos de fazer, que é vencer os jogos. A pressão existe para todos. Estamos numa fase importante e queremos continuar a somar”.

Fonte: OJOGO