Receção ao Rio Ave fecha 2017 no Dragão

FC Porto só perdeu no seu estádio para a Champions. Receção desta quinta-feira é último teste ao estatuto de invicto

 

As luzes do Estádio do Dragão vão ligar-se esta noite pela última vez em 2017. A partir das 21h15, o FC Porto recebe o Rio Ave, em jogo em atraso da primeira jornada do grupo D da Taça da Liga, que tem como uma das aliciantes, além de poder definir o futuro na competição, saber se os Dragões conseguem sair do ano sem derrotas nos jogos caseiros em competições nacionais.

Até aqui foram 24 as partidas disputadas no relvado do Dragão no ano civil que está perto do fim, com os portistas a somarem 18 triunfos, quatro empates e apenas duas derrotas. Com um registo limpo a nível interno, estes dois desaires dizem respeito a jogos da Liga dos Campeões. A primeira, referente à época passada, diante da Juventus, então na primeira mão dos oitavos de final da prova (0-2), enquanto a segunda aconteceu já na presente temporada, na estreia no grupo G, frente ao Besiktas (1-3).

Nesta caminhada, os azuis e brancos atingiram o alvo por 70 vezes, conseguindo uma média de 2,92 golos por jogo. Em sentido inverso, contam-se apenas 19 sofridos, o que perfaz 0,79 por jogo. Para estes números em muito contribuíram as goleadas ao Nacional (7-0) ou ao Paços de Ferreira (6-1).

No que à Taça da Liga diz respeito, os portistas partem para esta partida em igualdade pontual com o Rio Ave (um ponto), depois de um nulo frente ao Leixões. Esse empate, a juntar a um triunfo sobre o Paços de Ferreira, permite à equipa de Matosinhos liderar a classificação, mas nesta jornada poderá ser alcançada quer por Dragões quer por vila-condenses. Importa lembrar que apenas o primeiro lugar vale a qualificação para as meias-finais da prova e que, em caso de empate pontual, o primeiro fator de desempate é a diferença entre golos marcados e golos sofridos na respetiva fase.

O encontro será antecipado no Porto Canal, a partir das 20h15, seguido em tempo real na app oficial do FC Porto e no Twitter e acompanhado no Facebook e no Instagram. Após o apito final, faz-se a análise da partida no Porto Canal e em www.fcporto.pt, com a crónica e as declarações do treinador e de outros intervenientes.

Fonte: FC Porto