Recorde de assistência no Dragão 600 mil espectadores

Barreira dos 600 mil espectadores foi ultrapassada antes do final do ano

 

O Estádio do Dragão já recebeu mais de 600 mil espectadores desde a abertura de portas para a temporada 2017/18. Este valor representa um recorde absoluto na história do recinto portista, inaugurado a 16 de novembro de 2003.

A época começou com o primeiro recorde de assistência, englobando a Apresentação e os jogos frente a Estoril e Moreirense. Com um calendário extremamente preenchido e exigente, o Dragão recebeu 15 jogos oficiais até final do ano civil, um novo máximo na sua existência.

Os adeptos têm formado um Mar Azul em todos os estádios onde o FC Porto joga, com especial incidência no Estádio do Dragão. Com a receção ao Rio Ave para a Taça da Liga, a 22 de dezembro, o recinto acumulou 603.424 espectadores desde o primeiro dia da temporada.

A casa do FC Porto nunca tinha recebido um número tão elevado de adeptos em ciclo idêntico (Apresentação mais 15 jogos oficiais). O anterior máximo remontava à temporada 2004/05, com 590.802 espectadores em igual período. Na época passada, o total foi de 560.919 espectadores.

O crescimento justifica-se antes de mais pela forte ligação entre a equipa e os adeptos, evidente desde a primeira hora, para além do futebol apresentado (45 golos em 15 jogos oficiais em casa). A venda antecipada de bilhetes, com preços mais reduzidos, a animação na Praça e o maior número de eventos no Museu FC Porto, entre outros conceitos, melhoraram a experiência do adepto no Dragão e contribuem igualmente para este recorde.

Os máximos históricos abrangem ainda as assistências nos três jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões (recorde de 126.554 espectadores, contra 123.033 em 2007/08) e nos oito jogos da Liga realizados no Estádio do Dragão até ao momento. Os jogos da Liga foram presenciados por 338.304 adeptos, representando uma subida de cerca de 25 mil adeptos em relação ao anterior recorde (313.504 na época 2005/06).