Regras francesas atrasaram a rescisão e o anúncio da oficialização

Sérgio Conceição já trabalha no FC Porto

Regras francesas atrasaram a rescisão

Esteve no Dragão com Pinto da Costa e Luís Gonçalves e depois saiu para almoçar com o presidente, adiantou esta terça-feira a edição impressa d’ O JOGO. Mesmo sem oficialização, o treinador já trabalha

Sérgio Conceição ainda não foi oficializado, mas já trabalha no Dragão e ontem mesmo teve a primeira reunião de trabalho a sério com Pinto da Costa e Luís Gonçalves, além de outros elementos dos vários departamentos da estrutura portista. Os assuntos principais foram, no entanto, tratados com o presidente e o diretor geral para o futebol. Conceição expôs os seus pontos de vista, deu ordem para agilizar algumas situações já previstas e explicou o que pretendia para o plantel que se está a desenhar. Não se sabe muitos mais pormenores sobre a reunião, mas os primeiros assuntos já foram discutidos e os trabalhos continuarão em ritmo acelerado.

O FC Porto não tem tempo a perder e, por isso mesmo, a reunião antecedeu a apresentação oficial do novo treinador. Não havia como esperar mais para se tomar algumas das decisões, especialmente as de pré-época, que carecem de datas e marcações a nível logístico. Mas também em relação a muitos jogadores que aguardam por decisões e precisam de saber os planos que o clube tem para eles. Nuno Espírito Santo já tinha mais ou menos definido com quem contava, mas será natural que, em alguns casos, Sérgio possa discordar. Além disso, o técnico ficou ainda a conhecer os gabinetes e a nova estrutura da SAD. É que, apesar de já ter passado duas vezes pelo FC Porto com sucesso, a última já foi em 2003/04, época em que o Estádio foi inaugurado, além dessa, houve muitas outras mudanças no funcionamento ordinário do clube…

Depois da reunião, o treinador saiu do Dragão com Pinto da Costa e os dois foram almoçar juntos a um restaurante da zona. A refeição durou cerca de uma hora e lá ter-se-ão limado mais algumas arestas em falta. Há, como já dissemos, muitos assuntos para resolver de vez, alguns discriminados na coluna ao lado.

Entretanto, resta dizer que só na véspera é que o Nantes autorizou Sérgio Conceição a falar, de forma oficial, com o FC Porto. Isto já depois de treinador e anterior clube terem acordado os moldes da rescisão de contrato. Para sair do Nantes e rumar ao Dragão, o técnico abdicou de parte dos prémios que tinha a receber e ainda do último mês de salários, ainda por pagar.

Fonte: FC Porto