“Temos um plantel mais do que suficiente para encarar jogo com otimismo”

Nuno Espírito Santo, que começou a conferência de imprensa pedindo desculpa e compreensão pelo atraso no início, anteviu o jogo com o Chaves, da quarta eliminatória da Taça de Portugal.

Semana sem internacionais: “Nem todos os jogadores regressaram em boas condições, alguns casos mais complicados do que outros. Depois do trabalho que fizemos nesta semana atípica decidiremos quem viaja e que defrontará o Chaves. Foi uma semana diferente mas que espero que se mantenha por muitos anos, porque será sempre sinal de que o FC Porto tem muitos internacionais no plantel. É um sinal de excelência. No que isso afeta a preparação, é outro assunto.”

Rotatividade: “Cada jogo para o FC Porto significa apenas ambição e vitória. Preparamos este jogo da mesma forma se fosse de outra competição. Temos o objetivo de vencer a Taça de Portugal, queremos estar no Jamor, queremos conquistar este título”.

O onze: “A decisão é uma: as melhores opções para defrontar com o Chaves com o objetivo de passar a eliminatória. A taça é um objetivo do FC Porto. Temos um plantel mais do que suficiente para encarar este jogo com otimismo.”

 

FONTE/ OJOGO