Última Hora: Ruben Neves de saída

Rúben Neves pode sair do FC Porto ainda hoje

Há uma boa proposta na mesa e a SAD tem a possibilidade de aliviar as contas com mais um produto da formação.

Há um grande clube interessado em Rúben Neves e o médio portista pode ser transferido ainda durante o dia de hoje, último dia da época 2016/17 e, portanto, último também do exercício financeiro relativo ao mesmo período. O jovem médio, que até há poucos dias esteve no Europeu de sub-21, está no topo da lista para ser vendido e os dragões têm conhecimento de uma proposta prometedora, que hoje mesmo pode resultar em acordo definitivo.

É o empresário do jogador, Jorge Mendes, que está a conduzir a operação, mas Rúben está a par e preparado para qualquer cenário. Se a transferência não for concluída hoje, isso pode acontecer nos próximos dias e ser remetida à UEFA como nota de anexo ao Relatório e Contas 2016/17. Os dragões, contudo, preferem cumprir a regra e fechar o que houver para fechar até às 24 horas do dia 30 de junho de 2017: hoje, portanto.

O JOGO não conseguiu apurar qual o clube que se aproximou dos valores pedidos pelo FC Porto, mas sabe que havia vários interessados e que dois deles até eram ingleses. No passado, Rúben foi apontado ao Chelsea, ainda nos tempos de José Mourinho, e ao Liverpool, onde Klopp tem como adjunto Pepjin Ljinders, um holandês que participou ativamente no desenvolvimento do jogador, em sessões de treino extra a que os portistas mais promissores eram remetidos nas épocas da formação.

O médio-defensivo estreou-se na primeira equipa no verão de 2014, ainda com 17 anos. Lopetegui utilizou-o com muita frequência e o craque acabou por chegar inclusivamente à seleção principal. Com Nuno Espírito Santo a utilização foi residual e Danilo ganhou cada vez mais proeminência. O trinco titular é um dos jogadores que o FC Porto mais quer manter, pelo que a saída de Rúben Neves seria, do ponto de vista desportivo, perfeitamente aceitável. Há as questões sentimentais, pois a anterior transferência milionária do defeso azul e branco foi a de André Silva, outro dos que percorreram os escalões do clube… Já do ponto de vista contabilístico, Rúben é uma transferência apetecível: a SAD não teve qualquer custo na aquisição, detém 100 por cento do seu passe e as mais-valias alcançadas serão praticamente iguais ao valor total da operação.

Fonte: OJOGO