Já viste este telemovel igual ao Galaxy S8, Octacore, Camara 16Mp da Sony, Touch ID...etc por APENAS 100€? Visita o nosso link e não pagas portes de envio nem taxas alfandegárias!

CLICA AQUI

Um fim de jejum no melhor registo dos últimos anos

FC Porto já tinha cedido sete pontos nas deslocações à capital, ou a casa de adversários dos arredores, mas ontem contrariou a tendência, ganhando ao Estoril.

FC Porto conseguiu a primeira vitória na Grande Lisboa deste campeonato, depois de uma derrota em Alvalade (2-1) e dois empates, em Setúbal (0-0) e em Belém (0-0), na primeira volta, cedendo assim sete pontos só nessas três jornadas. Para recuperar pontos em Lisboa, resta aos dragões a deslocação à Luz para defrontar o Benfica, em abril, à 27.ª jornada, um jogo que poderá ser decisivo para as contas do título, a manterem-se as distâncias entre primeiro e segundo classificados. Os golos de André Silva e Corona permitiram aos azuis e brancos manter-se pela 16.ª jornada sem perder, confirmando-se como a equipa há mais tempo invicta no campeonato, o que tem permitido a Nuno Espírito Santo manter a pressão sobre os encarnados, que acertam calendário amanhã, com o V. Setúbal.

Os azuis e brancos somam agora 44 pontos conquistados à 19.ª jornada, reforçando aquele que é já o melhor registo das últimas quatro épocas. Com os 16 jogos sem perder na Liga, superaram o melhor ciclo de 2015/16, com Lopetegui aos comandos. Aliás, a equipa somou a sétima vitória nos últimos oito encontros, o que contribui para reforçar a confiança dos jogadores, numa altura em que o FC Porto não tem margem de manobra para desperdiçar pontos, se quiser recuperar a distância para o Benfica. O golo do Estoril também fica como o terceiro sofrido fora pelo FC Porto neste campeonato, depois da derrota em Alvalade, em agosto (2-1).

Fonte: Ojogo