Uma verdadeira mudança de mentalidade!

Com Lopetegui e Nuno Espírito Santo estava sempre tudo bem, a equipa estava preparada, o treino tinha sido muito intenso, os jogadores estavam confiantes, os adversários eram todos muito exigentes, mas a "fórmula para o sucesso" estava sempre encontrada…
No final da época passada, o primeiro classificado até ia perder pontos nas últimas jornadas para o Porto se sagrar campeão… Vejam só!
Não se ganhou absolutamente nada. Muito menos moral para se continuar a trabalhar no mesmo sentido. E porquê? Porque antes sequer de se focar nos problemas técnicos ou táticos, não havia mentalidade para isso.
Ambos os treinadores citados tinham medo de falar nas lacunas mais do que evidentes, de modo a sustentarem-se de alguma forma no cargo. O último até fez um desenho para disfarçar as coisas…
O Porto – Corunha foi excelente, a equipa mostrou que está no caminho certo. Mas hoje isso não se viu. Qualquer adepto que tenha acompanhado este novo Porto percebeu-o. Os jogadores também. E, acima de todos, o treinador. O único capaz de mudar as coisas e melhorar!
Enquanto perdurar esta mentalidade, o Porto estará seguro. Não porque não tenha problemas, mas porque as energias vão estar sempre apontadas aos mesmos, e por aqueles que podem realmente resolvê-los.
Se há um mês me dissessem que ia gostar tanto deste projecto de Sérgio Conceição, dentro e fora de campo, não acreditaria.
Este novo Porto convence-me e dia 9 lá estarei para o pontapé de saída!