Já viste este telemovel igual ao Galaxy S8, Octacore, Camara 16Mp da Sony, Touch ID...etc por APENAS 100€? Visita o nosso link e não pagas portes de envio nem taxas alfandegárias!

CLICA AQUI

Walter: “O meu negócio é comida mesmo”

Walter, jogador do FC Porto que está emprestado ao Goiás, deu uma entrevista ao programa Show dos Esportes, da Rádio Gaúcha, a falar sobre os seus problemas com a comida e a balança. O avançado garantiu ter perdido recentemente seis quilos.

“Voltei das férias com dois quilos a mais. O problema é que já estava uns cinco quilos acima nos últimos jogos da temporada passada. Perdi seis quilos, já estou quase pronto para jogar. Tive um problema no joelho, mas já estou quase bom”, afirmou o jogador que o FC Porto adquiriu ao Internacional de Porto Alegre em 2010.

“Minha vida sempre foi cobrança em cima de cobrança. Muita gente pensa que eu bebo, mas não. Se bebesse, acho que não dava conta de jogar. O meu negócio é comida mesmo. Tenho que cuidar. Perco peso rápido, mas ganho muito rápido. Tenho de ter controlo o ano todo. Nunca mais vou ser o Walter magro, mas vou trabalhar sempre para estar em boa condição”, declarou Walter, que na época 2010/11 cumpriu 25 jogos de dragão ao peito e marcou 10 golos.

O FC Porto cedeu Walter em 2012 ao Cruzeiro, sucedendo-se novos empréstimos a Goiás, Fluminense, Atlético Paranaense e novamente Goiás.

“No Fluminense emagreci bastante e fiquei fraco. No Atlético também, fiquei muito abaixo. É bom estar (com o peso) abaixo, mas ao mesmo tempo perco força. O Goiás é um time grande, mas tem caras de pouca qualidade. Agora o Goiás contratou muitos jogadores de qualidade. O pensamento é voltar à Série A. Quero pensar em algo a mais para a minha carreira”, acrescentou.

FONTE/ O JOGO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *